Fandango

Fandango

DÁ BAILE ÀS INFESTANTES

Solução concentrada com 200 g/L ou 17% (p/p) de diquato (na forma de sal dibrometo).

CARACTERÍSTICAS

O Fandango é um herbicida não seletivo de absorção foliar, com ação de contato e translocação limitada, no apoplasto. Inibe a fotossíntese ao nível do fotossistema I. Possui ligeira capacidade de translocação xilémica após a sua absorção foliar. Após a aplicação a eficácia sobre as infestantes é visível, decorridos 3 a 5 dias, sendo que, a dessecação completa ocorre uma semana depois. A degradação da substância ativa no solo é rápida e verifica-se completamente. Dessecante da rama da batateira, sem afetação dos tubérculos subterrâneos.

Nº de AV/APV 0539

EMBALAGENS 500 mL / 1 L / 20 L

Ficha Técnica

Ficha de Dados de Segurança

Culturas relacionadas

  • Batateira

    Dessecante da Batateira

    CONCENTRAÇÃO/DOSE E APLICAÇÃO

    Batata para consumo: 3-4 L/ha | Batata para Semente: 5 L/ha
    DESSECAÇÃO DA RAMA:
    Aplicar logo que os tubérculos tenham atingido o desenvolvimento conveniente. Não aplicar quando o terreno estiver muito seco, especialmente quando as folhas apresentam sintomas de murchidão, pois pode danificar os tubérculos. Depois de um período de seca, só deve aplicar-se 3 dias após o solo estar bem húmido.

    INTERVALO DE CONFIANÇA

    Batata para consumo: 4 dias | Batata para Semente: 4 dias

  • Oliveira

    Infestantes da Oliveira

    CONCENTRAÇÃO/DOSE E APLICAÇÃO

    4 L/ha – Aplicar em pós-emergência das infestantes, sem vento e de modo a não atingir as partes verdes das culturas (caules, ramos, gomos, folhas ou frutos). O tronco e a casca lenhificados não são afectados. Volume de calda recomendado: 300-400 (L/ha).

    INTERVALO DE SEGURANÇA

    Não aplicar em azeitona caída.

  • Videira

    Infestantes anuais e/ou vivazes da Vinha

    CONCENTRAÇÃO/DOSE E APLICAÇÃO

    4 L/ha – Aplicar em pós-emergência das infestantes, sem vento e de modo a não atingir as partes verdes das culturas (caules, ramos, gomos, folhas ou frutos). O tronco e a casca lenhificados não são afectados. Volume de calda recomendado: 300-400 (L/ha).